Conheça mais!

Cursos

A Capacitação em Psicanálise é livre e propõe saúde mental, através da reflexão subjetiva,
visando melhor qualidade de vida. Objetiva também o ensino da ocupação de Psicanalista.

Nossos Cursos

Psicanálise Clínica


Psicopatologia


Transferência Em Psicanálise


Curso

Psicanálise Clínica

Conheça

Ampliar os conhecimentos adquiridos nas diversas áreas das ciências humanas e sociais, saúde, educação e religião, através de processos de relacionamentos terapêuticos com repercussões psicosociais.

    

A psicanálise, conforme dizia Freud, “é a profissão de pessoas leigas que curam almas, que não necessitam ser médicos e que não devem ser sacerdotes”.

Ela ocupa-se dos distúrbios psíquicos originados no inconsciente. Seu propósito é descobrir, no inconsciente dos seres humanos, as necessidades, complexos, traumas e tudo o mais que perturbe o psiquismo, trazendo-os à tona da consciência, a fim de removê-los e possibilitar, assim, o equilíbrio emocional do indivíduo.

A psicanálise requer do interessado a ser psicanalista sólida formação humanística, de acordo com o pensamento de Freud: “Se tivéssemos que fundar uma faculdade analítica, aí ensinaríamos certamente matérias que a escola de medicina também ensina: ao lado da ‘psicologia profunda’, a do inconsciente que continuaria sempre a peça de resistência, seria preciso ensinar, numa escala tão larga quanto possível, a ciência da vida sexual, familiarizando os alunos com os quadros clínicos da psiquiatria. Por outro lado, o ensino analítico abrangeria também ramos bastante estranhos ao médico e dos quais ele não entrevê nem mesmo a sombra no exercício de sua profissão: a história da civilização, a mitologia, a psicologia das religiões, a história e a crítica literária. Se o analista não for bem orientado em todos esses terrenos permanece desamparado diante de um grande número de fenômenos que se lhe oferecem”.

Tradicionalmente, a formação psicanalítica vem sendo ministrada em institutos particulares, por meio de aulas, seminários, debates e análises didáticas, em regime de ensino livre, com duração variável conforme a organização a que o instituto ou o curso se vincule.

Destina-se ao público formado por profissionais de diversas áreas, GRADUADOS EM CURSO SUPERIOR interessados na Psicanálise.

O NEPP (Núcleo de Estudos e Pesquisas em Psicanálise), com sede em Belo Horizonte – MG, é uma associação fundada em 02 de setembro de 1999, regida por um estatuto aprovado por Assembléia Geral, sem vinculação político-partidária ou religiosa, sem distinção de raça, cor, sexo ou nacionalidade, constituído por psicanalistas clínicos voltados para o estudo contínuo da psicanálise

Tem como filosofia: o estudo contínuo da Psicanálise, para promover o desenvolvimento e a aplicação da Psicanálise criada por Sigmund Freud, com o caráter interdisciplinar e multidisciplinar, por acreditar na conexão da psicanálise com as demais áreas do saber, contribuindo com o exercício de demais profissões.

– Transmitir e divulgar a psicanálise em sua singularidade de acordo com seus fundamentos epistemológicos.
– Habilitar profissionais para a área psicanalítica, estimulando a união entre seus membros no sentido de adquirir, desenvolver, difundir e aplicar os conhecimentos psicanalíticos.
– Levar à reflexão dos ensinamentos para a divulgação do saber psicanalítico através de suas práticas, pesquisas e extensão;
– Formar psicanalistas aptos à inserção e à participação efetivas na sociedade, seja profissionalmente ou por meio da colaboração factual enquanto seres sociais;
– Incentivar e estimular a pesquisa e a investigação científica e proporcionar recursos teóricos e metodológicos que permitam a produção de trabalhos científicos psicanalíticos.

Conteúdos

UNIDADE 1

– Romance Familiar.
– História da Loucura.
– Teoria I – Projeto.
– Teoria II – I Tópica.
– Teoria III – II Tópica.
– Psicanálise e Sociologia. 

UNIDADE 2

– Teoria IV – Mecanismo de Defesa.
– Psicanálise e Antropologia (Totem e Tabu)
– Relações Objetais I.
– Relações Objetais II.
– Teoria V – Sintoma, Inibição e Ansiedade.
– Teoria do Instinto I.
– Teoria do Instinto II.

UNIDADE 3

– Sonhos I.
– Sonhos II.
– Teoria VI – Complexo de Édipo.
– Clínica Psicanalítica.
– Técnicas I.
– Técnicas II. 

UNIDADE 4

– Seminário 27.
– Seminário 30.
– Seminário 31.
– Clínica da Psicose.
– Ética Psicanalítica.

Cronograma

Seminários Científicos: 01 (uma) vez por mês às Sextas-feiras; Sábados.
Grupos de Estudo: 01 (uma) vez por semana (em um dia da semana especificado pela turma).

Grade curricular
Duração do curso de Teoria Psicanalítica (não dá direito a clínica): 24 (vinte e quatro) meses;

Seminários Obrigatórios: 24 (vinte e quatro) seminários de 8 (oito) horas cada = 192 (cento e noventa e duas) hs;

Grupos de Estudos: 116 (cento e dezesseis) encontros de 3 (três) horas cada = 348 (trezentas e quarenta e oito) hs;

Total do Curso de Formação Psicanalítica: 540 (quinhentas e quarenta) horas;

É Obrigatório para a Formação do Psicanalista Clínico:
Análise didática: entre 36 (trinta e seis) a 60 meses, varia de acordo com o proponente a psicanalista. Cada hora analítica de 50 (cinqüenta minutos), sendo que no mínimo deve ser feito uma sessão semanal. 

Corpo Docente 

"Sob as orientações do Professor Dr. Sérgio Costa Professores Doutores de alta qualificação."





Objetivos

Promover a atualização de conhecimento no campo da psicanálise, a formação profissional e incremento da pesquisa.
Pretende-se transmitir a psicanálise em sua singularidade. Preocupa-se em formar psicanalistas, desenvolvendo a escuta psicanalítica apoiada na transferência, além de contemplar o sujeito e suas novas organizações patológicas associadas às demandas que estão ligadas ao mundo contemporâneo. 

Objetivos Específicos 

Objetivos Específicos
Fornecer informações sobre os fundamentos epistemológicos da psicanálise.
Levar à reflexão destes fundamentos integrada à prática profissional.
Oportunizar o exercício da pesquisa a partir desta reflexão.
Proporcionar recursos teórico-metodológicos que permitam a produção de trabalhos científicos psicanalíticos. 
 

Solicite Atendimento

Tire suas dúvidas, solicite atendimento ou envie sua mensagem.

Curso

Psicopatologia

Conheça

“A psicopatologia preocupa-se com a doença da mente. O que é doença, porém? Trata-se de um tema vasto, que tem sido discutido por filósofos, teólogos, administradores e advogados, assim como por médicos. Os profissionais que passam a maior parte do tempo no seu trabalho em meio à saúde e à doença, raramente fazem esta pergunta, e com menos freqüência tentam respondê-la.”

    

– Reconhecer e analisar os quadros patológicos;
– Estabelecer relações da semiologia psicanalítica e entre os sintomas e as causas patológicas;
– Estabelecer e reconhecer as relações das toxinas psicológicas da mãe e a produção dos sintomas pelos filhos. 

Conteúdos

UNIDADE 1

1. Definição de Psicopatologia
2. Abordagem das principais escolas de Psicopatologia
3. Sintomatologia Clínica:
4. Afecções Narcísicas
5. Ideal de Ego 

UNIDADE 2

6. Funções psíquicas elementares e suas alterações
7. Acenso, percepção e suas alterações
8. A afetividade e suas alterações
9. O pensamento e suas alterações
10. O juízo de realidade e suas alterações
11. A linguagem e suas alterações 

UNIDADE 3

12. Psicopatologia e psicodinâmica do:
• Obsessivo
• Histérico
• Fóbico
• Melancólico
• Psicótico
• Paranóico
• Pacientes psicossomáticos

UNIDADE 4

13. Sintomas clínicos dos conflitos neuróticos.
14. Interpretação e manejo do CID-10.

Disciplina: Psicopatologia Clínica
Professor responsável: Sérgio Costa
Período de Duração: 14 meses


Bibliografia usada no Curso de Psicopatologia Analítica: 


Obras Completas de Freud
Vol.II – Estudos sobre a Histeria – 1895
Vol.IV – A Interpretação dos Sonhos
Vol.V – A Interpretação dos sonhos
Vol.VI – Psicopatologia da Vida Cotidiana
Vol.VII – Um caso de histeria
Vol.X – O Pequeno Hans
Vol.X – O Homem dos Ratos
Vol.XII – O Caso Schreber
• Elementos para a Clínica Contemporânea – Luiz Cláudio Figueiredo. Edit. Escuta.
• Psiquiatria e Psicanálise – Darcy Mendonça Uchoa. Edit. Sarvier.
• Clínica Psicanalítica, A Arte da Interpretação – Fábio Hermann. Edit. Casa do Psicólogo
• A Fabricação da Loucura – Thomas S. Szasz. Edit. Zahar
• Transtornos Graves de Personalidade – Otto F. Kenberg. Edit. Artes Médicas
• Infância Normal e Patológica – Anna Freud. Edit. Zahar
• O Inconsciente – Henry Ey. Vol.1 . Edit.Tempo Brasileiro Ltda
• Agressão nos Transtornos de Personalidade e nas Perversões – Otto F. Kernberg. Edit. Arte Médicas
• Teoria Psicanalítica das Neuroses – Otto Fenichel – Edit. Atheneu
• Hysteria – Christopher Bollas. Edit. Escuta
• A Psicanálise – Teoria, Clínica e Técnica – Angel Garma. Edit. Artes Médicas
• Freud e o Édipo – Peter L.Rudnytsky. Edit. Perspectiva
• As Estruturas Antropológicas do Imaginário – Gilberto Durand. Edit.Martins Fontes
• Teoria e Clínica da Psicose – Antônio Quinet. Edit.Forense Universitária
• Os Estados Psicóticos – Herbert A . Rosenfeld – Edit. Zahar 

Quer saber mais?

Tire suas dúvidas, solicite atendimento ou envie sua mensagem.

Curso

Transferência Em Psicanálise Clínica

Conheça

Levar os alunos a compreender que os padrões de sentimentos; pensamentos e comportamentos, originalmente se dão por experiências vividas em relação às pessoas significativas durante a infância, são deslocadas para uma pessoa envolvida numa relação inter pessoal atual.
De vez que o processo nela envolvido é, em grande parte inconsciente, os analisandos não percebem as variadas fontes de atitudes, fantasias e sentimentos transferências tais como: amor, ódio, raiva, sexo, sentimentos de abandono e outros (–). 

    

Desenvolvimento ou aperfeiçoamento do profissional no manejo em uma área de profunda sensibilidade do psiquismo humano. Saber como lidar de um modo ético. Onde não só o psiquismo do seu analisando vai estar exposto e sob o seu controle, mas o também, o seu psiquismo estará em contato direto com as camadas mais próximas da consciência, podendo ser lesado no mau uso.

Conteúdos

UNIDADE 1

1. INDICAÇÕES E CONTRA-INDICAÇÕES
1. – O conceito de Analisabilidade
2. – A boa histérica
3. – O obsessivo analisável
4. – O conceito de acessibilidade
5. – O par analítico
6. – A suas influências advindas dos desvios sexuais na infância 

UNIDADE 2

2. A ENTREVISTA PSICANALÍTICA
1. – A ansiedade na entrevista
2. – Problemas de transferência e Contra Transferência 





UNIDADE 3

3. DA TRANSFERÊNCIA E CONTRA TRANSFERÊNCIA
( Transferência Narcísica )
1. – O Contexto da descoberta
2. – Transferência e falso enlace
3. – Transferência do desejo
4. – O caso Dora 

UNIDADE 4

4. TRANSFERÊNCIA DE REPETIÇÃO
( Self-Objetal )
1. – Lembrança e repetição
2. – Repetição como princípio explicativo
3. – Transferência de impulsos e defesas
 

UNIDADE 5

5. AS FORMAS DE TRANSFERÊNCIA ( Transferência de Fusão )
1. – Precisões sobre a neurose de Transferência
2. – Neurose de transferência e parte saída do ego
3. – Narcisismo e transferência
4. – O amor transferêncial
5. – Formas clínicas da transferência erotizada
6. Psicose de Transferência
7. O ego perverso
8. Transferência e desenvolvimento emocional primitivo (Transferência de afecções narcísicas)
9. Contra transferência e relação de objeto
10. Transferência na transformação do narcismo
11. Transferência e seus problemas na sexualidade (Bissexualidade; homossexualidade e suas perversões ) 

Os alunos em formação na instituição terão como vantagem: 

• Desenvolvimento de sua capacidade de observação e análise crítica;
• Sua capacitação em conhecer e desenvolver modelos teóricos; lógicos e aplicáveis ao mercado;
• A formação de sua visão interdisciplinar, agrupando diversas áreas em torno de determinado assunto.
• Maximização do Grau de Empregabilidade dos Profissionais em função da globalização e da crescente competição profissional existente em todos os campos de atuação.
A instituição preocupa-se em formar e reciclar profissionais não só em conhecimentos e habilidades específicas como também em atitudes tais como:
• Capacidade de vender sua imagem como solucionador de problemas;
• Atitudes de serviço procurando compreender os problemas de clientes apresentando-lhes soluções claras;
• Espírito empreendedor aliado à capacidade de identificar oportunidades de negócios. Formação de Novos professores.
• A formação de novos professores não só para serem absorvidos pela instituição como por outras instituições é uma estratégia relevante para a coordenação de Pós-Graduação. 

Disciplina:
TRANSFERÊNCIA EM PSICANÁLISE CLÍNICA 

Professor: Sérgio Costa
Período: 16 meses
Encontros: MENSAIS



TRANSFERÊNCIA – BIBLIOGRAFIA 


1. “IMPASSE E INTERPRETAÇÃO” – Hebert Rosenfild – Ed. David Fuckett
2. “TÉCNICAS PSICANALÍTICAS 1 – A TÉCNICA FREUDIANA” – Organizado por Benjamim B. Wolman – Ed. Imago
3. “TÉCNICAS PSICANALÍTICAS 2 – FREUDIANOS E NEOFREUDIANOS” – Organizado por Benjamin B. Wolman – Ed. Imago
4. “TÉCNICAS PSICANALÍTICAS 3 – AS TÉCNICAS NÃO-FREUDIANAS, TÉCNICAS ESPECIAIS E RESULTADOS” – Organizado por Benjamim B. Wolman – Ed. Imago
5. “FUNDAMENTOS DAS TÉCNICAS PSICANALÍTICAS” – Horácio Etchegoyen – Ed. Artes Médicas.
6. OBRAS COMPLETAS DE FREUD
o Vol. XI – A Quinta Conferência – 1910
o Vol. XII – Artigos sobre Técnicas – 1912
o Vol. XII – Artigos sobre Técnicas – 1915
o Vol. XVI – A Neurose de transferência e uma Repetição – 1916
o Vol. XVIII – Além do Princípio do Prazer – A Neurose de transferência é uma repetição – 1920. 

A psicanálise, conforme dizia Freud, “é a profissão de pessoas leigas que curam almas, que não necessitam ser médicos e que não devem ser sacerdotes.

Deixe sua mensagem!

Entre em Contato

Em caso de dúvidas, solicitações ou apenas um papo, entre em contato. Teremos o prazer em atendê-los.

Podem me chamar também em meu whatsapp acima.

Veja NossoVideo

  Acesse nosso canal parra acompanhar as novidades.

N E P P

Siga nas Redes

Acompanhe as novidades.



Leitura Sugerida

Clique aqui e acesse.

Contatos

(31) 3532-6190 / (31) 98926-0372
R. Três, 26 - Betim Industrial, Betim - MG, Brasil
contato@nepp.com.br
Horário de atendimento
De segunda a sexta de 9 às 18h

Newsletter